top of page
Buscar
  • Foto do escritorAlexandre Netto

Íris em Plateau: Entenda o que é e seu Impacto na Saúde Ocular



A saúde dos nossos olhos é fundamental para nossa qualidade de vida, e entender as condições que podem afetá-los é importante para garantir o cuidado adequado. Um dos termos que você pode ter ouvido no consultório oftalmológico é "íris em plateau".


Hoje explicaremos de forma simples e direta o que é íris em plateau, como ela está relacionada ao glaucoma de ângulo fechado e as medidas preventivas que podem ser tomadas.


O que é Íris em Plateau?


A íris em plateau é uma condição anatômica do olho em que a íris, que é a parte colorida do olho, tem uma posição mais plana e anterior em relação à sua posição normal.


Essa característica pode levar ao estreitamento do ângulo entre a íris e a córnea, aumentando o risco de desenvolver glaucoma de ângulo fechado, uma condição que pode levar à perda progressiva da visão se não tratada adequadamente.

Íris em Plateau e Glaucoma de Ângulo Fechado.


Estreitamento do ângulo: A íris em plateau pode levar ao estreitamento do ângulo entre a íris e a córnea, dificultando a drenagem do humor aquoso, que é o líquido presente na câmara anterior do olho.


Aumento da pressão intraocular: Quando o humor aquoso não consegue ser drenado adequadamente, a pressão dentro do olho pode aumentar, podendo causar o glaucoma de ângulo fechado.


Lesão no nervo óptico: O aumento da pressão intraocular pode danificar o nervo óptico, responsável por transmitir as informações visuais do olho para o cérebro. Se não tratado, o glaucoma de ângulo fechado pode levar à perda de visão irreversível.

Como identificar e tratar a Íris em Plateau?


Exames oftalmológicos: É essencial realizar exames oftalmológicos regulares para identificar a íris em plateau e monitorar a saúde ocular. O oftalmologista pode realizar uma gonioscopia, que é um exame específico para avaliar o ângulo entre a íris e a córnea.


Tratamento: Se a íris em plateau estiver causando um estreitamento do ângulo ou aumento da pressão intraocular, o oftalmologista pode recomendar tratamentos específicos, como colírios ou, em casos mais graves, cirurgia a laser para aliviar a pressão no olho.

Prevenção e cuidados


Consultas regulares ao oftalmologista: A melhor maneira de prevenir complicações relacionadas à íris em plateau é através de consultas regulares ao oftalmologista, que pode identificar a condição e orientar o tratamento adequado.


Conscientização: Informar-se sobre as condições oculares e seus riscos é fundamental para tomar medidas preventivas e cuidar adequadamente da saúde dos seus olhos.


A íris em plateau é uma condição anatômica que, se não identificada e tratada a tempo, pode aumentar o risco de desenvolver glaucoma de ângulo fechado e levar à perda de visão.

A melhor maneira de prevenir complicações é realizar exames oftalmológicos regulares e seguir as orientações do oftalmologista para manter a saúde ocular em dia.

Além disso, a conscientização sobre as condições oculares e seus riscos é fundamental para tomar medidas preventivas e cuidar adequadamente da saúde dos olhos.


Portanto, busque informações de fontes confiáveis e participe ativamente do cuidado com a sua visão.



17 visualizações0 comentário

Yorumlar


bottom of page