Buscar
  • Rodrigo Pazetto

Acordo com o olho ressacado, o que fazer?


Acordar com o olho ressacado pode acabar com o nosso dia. Isso porque o olho seco nos remete a momentos de sono e fica complicado de levantar da cama e cumprir suas tarefas.


Mas muito mais do que esse incômodo, é importante estar atento se esta sensação acontece com frequência. Ela pode estar associada ao grande uma de telas, tempo prolongado de leitura ou outras atividades que exigem dos nossos olhos.


Porém, este também pode ser um dos sintomas da síndrome do olho seco.




A síndrome do olho seco trata-se de uma alteração na produção ou na qualidade das lágrimas. Ela pode atingir qualquer pessoa, mas ocorre principalmente em mulheres com mais de 60 anos, pessoas que usam lentes de contato e pacientes acometidos por doenças como lúpus ou síndrome de Sjögren, que causam problemas nas glândulas que produzem as lágrimas e a saliva


As principais causas da doença são a função reduzida das glândulas lacrimais; evaporação excessiva da lágrima, que pode ser causada por fatores ambientais como clima quente e seco, fumaça, ar condicionado e vento; além de anormalidades nas pálpebras, sejam adquiridas ou congênitas.


Um dos tratamentos mais eficazes para a síndrome do olho seco é o IPL, tratamento oftalmológico feito através da luz pulsada e com o objetivo de melhorar a qualidade da lágrima. Entenda mais sobre ele aqui.


Está sentindo seus olhos ressecados por longos períodos? Consulte seu oftalmologista.

5 visualizações0 comentário