top of page
Buscar
  • Foto do escritorAlexandre Netto

Anisometropia: Saiba mais sobre essa condição e a limitação dos óculos na correção

Atualizado: 17 de mai. de 2023


A anisometropia é uma condição oftalmológica que afeta a capacidade de enxergar de forma nítida e equilibrada em ambos os olhos. 


Entenda o que é, por que ocorre e por que os óculos podem não ser a melhor solução para corrigir essa condição.


O que é Anisometropia?


A anisometropia é uma condição na qual os dois olhos têm diferentes graus de erro refrativo, como miopia, hipermetropia ou astigmatismo. 


Isso significa que a capacidade de focalizar objetos varia entre os olhos, resultando em uma visão desequilibrada e dificultando a percepção de profundidade.

 

A anisometropia pode ser congênita (presente desde o nascimento) ou adquirida (desenvolvida posteriormente).


Causas da Anisometropia


As principais causas da anisometropia incluem:


  • Diferenças no tamanho ou formato dos olhos;

  • Diferenças na curvatura da córnea ou do cristalino;

  • Alterações no comprimento axial do olho, como ocorre na miopia e na hipermetropia.

Essas diferenças podem resultar em um olho sendo mais míope, hipermétrope ou astigmático do que o outro, levando à anisometropia.


Limitações dos óculos na correção da Anisometropia


Embora os óculos possam corrigir os erros refrativos individualmente em cada olho, eles podem não ser a solução ideal para a anisometropia. Isso ocorre devido às seguintes razões:


Imagem desigual: Os óculos corrigem a visão projetando imagens com tamanhos diferentes na retina de cada olho. Essa diferença no tamanho das imagens dificulta a fusão das imagens pelo cérebro, gerando uma percepção de profundidade prejudicada e desconforto visual.


Distorção periférica: Os óculos podem causar distorção periférica, especialmente quando há uma grande diferença no grau entre os olhos. Essa distorção pode levar a dificuldades na adaptação e ao desconforto visual.


Desconforto e adaptação: A adaptação aos óculos para anisometropia pode ser difícil e desconfortável, principalmente quando a diferença de grau entre os olhos é significativa.


Alternativas para a correção da Anisometropia


Quando os óculos não são a solução ideal para a anisometropia, outras opções podem ser consideradas, como:


Lentes de contato: As lentes de contato podem proporcionar uma correção mais eficaz da anisometropia, pois elas se adaptam diretamente à curvatura da córnea e minimizam as diferenças no tamanho das imagens projetadas na retina.


Cirurgia refrativa: A cirurgia refrativa, como LASIK ou PRK, pode ser uma opção para corrigir a anisometropia, ajustando permanentemente a forma da córnea e reduzindo a dependência de óculos ou lentes de contato.


Implantes de lentes intraoculares (IOLs): Em alguns casos, especialmente quando a anisometropia é causada por diferenças significativas no tamanho ou formato do cristalino, os médicos podem optar por implantar lentes intraoculares para corrigir o erro refrativo.


Terapia visual: A terapia visual pode ser usada em combinação com outras opções de tratamento para ajudar o cérebro a se adaptar às diferenças entre os olhos e melhorar a percepção de profundidade e o alinhamento dos olhos.


Resumo G.C.O-  A anisometropia é uma condição oftalmológica que ocorre quando há uma diferença significativa nos erros refrativos entre os olhos. 


Embora os óculos possam corrigir cada olho individualmente, eles podem não ser a solução ideal devido às limitações que apresentam, como a imagem desigual, a distorção periférica e o desconforto. 


Alternativas, como lentes de contato, cirurgia refrativa, implantes de lentes intraoculares e terapia visual, podem ser consideradas para corrigir a anisometropia de forma mais eficaz. 


Consulte seu oftalmologista para discutir as melhores opções de tratamento para sua condição específica.

347 visualizações0 comentário
bottom of page