top of page
Buscar
  • Foto do escritorAlexandre Netto

Como Al Pacino incorporou o papel de um deficiente visual no filme "Perfume de Mulher"



Em "Perfume de Mulher" (1992), Al Pacino interpreta o tenente-coronel Frank Slade, um ex-oficial do exército dos Estados Unidos que ficou cego após um acidente. A atuação de Pacino no filme foi aclamada pela crítica e lhe rendeu o Oscar de Melhor Ator. Para se preparar adequadamente para o papel e garantir uma interpretação realista e sensível, Pacino realizou uma série de pesquisas e treinamentos.


Aqui estão algumas das técnicas e métodos que ele usou:


Trabalho com especialistas em visão e cegueira: Para entender melhor a experiência de ser cego e aprender a se movimentar e interagir sem o uso da visão, Pacino trabalhou com especialistas em cegueira e treinadores. Isso incluiu aprender a usar uma bengala para cegos, a andar com confiança e a realizar tarefas cotidianas sem depender da visão.


Visitas a centros e instituições para cegos: Pacino também visitou várias instituições e centros especializados em treinamento e apoio para pessoas cegas. Isso permitiu que ele observasse e interagisse diretamente com pessoas que enfrentam desafios semelhantes aos de seu personagem, o que o ajudou a desenvolver uma compreensão mais profunda e empática da experiência de ser cego.


Estudar a linguagem corporal e expressões faciais: Um aspecto importante da atuação de Pacino no filme é a maneira como ele usa a linguagem corporal e as expressões faciais para transmitir a cegueira do personagem. Para conseguir isso, ele estudou como as pessoas cegas se comportam, como movem a cabeça, como reagem a estímulos sonoros e como se comunicam sem a capacidade de ver.


Aprendendo a dançar: No filme, há uma cena memorável em que Frank Slade dança tango. Para interpretar essa cena de maneira autêntica, Pacino teve que aprender a dançar tango sem usar sua visão. Isso envolveu trabalhar com um instrutor de dança e praticar os passos e movimentos enquanto estava vendado, para simular a experiência de dançar sem ver.


Imersão no personagem: Durante o processo de filmagem, Pacino manteve-se constantemente no personagem, mesmo fora do set. Isso incluía usar óculos escuros e se comportar como se estivesse cego, mesmo quando não estava filmando, para garantir que sua interpretação fosse consistente e convincente.


O comprometimento de Al Pacino na preparação e na pesquisa para interpretar o tenente-coronel Frank Slade em "Perfume de Mulher" foi fundamental para o sucesso do filme e para sua própria aclamação como ator. Sua atuação realista e emocionante demonstra a importância de um trabalho de pesquisa cuidadoso e uma abordagem sensível ao interpretar personagens com deficiências ou desafios específicos.

444 visualizações0 comentário
bottom of page