Buscar
  • Rodrigo Pazetto

Lágrimas: O que são, tipos e funções


Fundamentais para a limpeza e purificação natural de nossos olhos, as lágrimas são substâncias produzidas pelas glândulas lacrimais formadas por água, sais minerais, gorduras e proteínas. Nosso revestimento lacrimal é formado por três camadas: de lipídios (externa) que impedem as lágrimas de escorrerem seguidamente sem interrupção, aquosa (no meio) que mantém o epitélio corneano com oxigênio e cria uma superfície lisa e simétrica para a visão, e interna que tem contato com a superfície da córnea e permite que a lágrima se espalhe.


Além das glândulas lacrimais, as lágrimas também podem ser dividas em três tipos: basal, formada em olhos saudáveis para manter umedecer e manter livre de poeiras; reflexiva, responsável por agir contra corpos irritantes (como cebola e ciscos); e emocionais, desencadeadas por fatores ligados a alegria ou estresse emocional, produzido como um analgésico natural.


Cada um desses tipos de lágrimas são responsáveis por funções diferentes e, caso sejam produzidas de forma abundante ou estejam escassas, é necessário procurar um oftalmologista para avaliar as possíveis causas para seu problema.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo