Buscar
  • Rodrigo Pazetto

Tratar estrabismo com botox, é possível?




Quando pensamos na toxina botulínica - popularmente conhecida como botox - logo pensamos em tratamentos estéticos para o fim de rugas e linhas de expressões, mas engana-se quem pensa que ela serve somente para isto.


Na oftalmologia ela tem um papel importante para quem sofre de estrabismo, bloqueando a acetilcolina, neurotransmissor responsável por levar os sinais elétricos para os músculos. Trata-se de uma opção menos invasiva que a cirurgia.


Estrabismo é um distúrbio que afeta o paralelismo entre os dois olhos, que apontam para direções diferentes. Ele pode surgir nos primeiros meses de vida ou nos adultos por diferentes razões. E o objetivo do tratamento do estrabismo é melhorar o alinhamento ocular, permitindo que os olhos trabalhem juntos e em sintonia.


É importante ressaltar que este método de tratamento é recomendado para casos específicos de estrabismo. A cirurgia ainda é a opção mais indicada e por este motivo, é extremamente importante consultar um oftalmologista especialista em estrabismo para que ele indique o melhor tratamento.




0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo